Seguidores

quinta-feira, 7 de julho de 2011

O poder da língua do crente!

No livro “A Língua – Domando esta fera”, do Pr. Josué Gonçalves, o autor procura mostrar algumas razões por que a Bíblia insiste nas advertências quanto ao uso disciplinado da língua:
1° – A indisciplina no uso da língua destrói amizades e separa amigosPv 17.9: “Aquele que encobre a transgressão busca a amizade, mas o que revolve o assunto separa os maiores amigos.”

2° – A língua é uma influência maior quando usada para o mal do que para o bem;

3° – Através do mal uso da língua espalha-se o veneno no Corpo de Cristo (a Igreja); Tg 3.8: “Mas nenhum homem pode domar a língua. É um mal que não se pode refrear; está cheia de peçonha mortal. ”

4° – A qualidade da vida em família depende do que é falado no lar; 1 Pe 3.10: “Porque Quem quer amar a vida, E ver os dias bons, Refreie a sua língua do mal, E os seus lábios não falem engano. ”

5° – O destino da alma de uma pessoa é determinado pelas suas palavras; Mt 12.36,37: “Mas eu vos digo que de toda a palavra ociosa que os homens disserem hão de dar conta no dia do juízo. Porque por tuas palavras serás justificado, e por tuas palavras serás condenado.”

6° – O estado da alma de uma pessoa depende do que sai da sua boca; Pv 21.23: “O que guarda a sua boca e a sua língua guarda a sua alma das angústias.”

7° – A autenticidade da religião se manifesta através do que falamos; Tg 1.26: “Se alguém entre vós cuida ser religioso, e não refreia a sua língua, antes engana o seu coração, a religião desse é vã.”

8° – Palavras podem contaminar como um vírus; Mt 15.11: “O que contamina o homem não é o que entra na boca, mas o que sai da boca, isso é o que contamina o homem.”

9° – O que sai da boca revela o que está no coração; Mt 12.34: “Raça de víboras, como podeis vós dizer boas coisas, sendo maus? Pois do que há em abundância no coração, disso fala a boca.”

10° – O que sai da boca do cristão pode ser bênção ou maldição; Tg 3.10: “De uma mesma boca procede bênção e maldição. Meus irmãos, não convém que isto se faça assim.”

FONTE: Revista Lições da Palavra de Deus (Ed. Central Gospel), n° 14

Nenhum comentário:

Postar um comentário